mais sobre mim

Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

novas ideias

Redes Sociais

Voltei

socrates, o cómico

Happiness

ALGO SE PASSA....

O meu Mapa Astral

igualdade de direitos ?!

Amor

THE BIG BANG

Dismorfia Corporal

Informatica no seu melhor

Sinais de estrada

blog da saude

Recordações

o Galo Machão

Obrigada pela surpresa

Manowar - Courage

Ser tuga é ....

Tampão

A FOTO DA SEMANA

ideias antigas

Dezembro 2009

Novembro 2009

Julho 2008

Maio 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

tags

sofia

sonhos

daniela

personalidades

sporting

22.06.2002

a carta do meu amor

a miss

abaixo o gil vicente

amo-te

ana

anedota

anjo

ante-estreia die hard

as diferenças...

as nossas placas ...

bébé

blog da saude

braço

brakffast at tifanny's - deep blue somet

todas as tags

leituras que aconselho

Desejo

Tatuagens estranhas...

história veridica-prof's ...

Gripe da Aves o 1º caso d...

palavras

still fighting

one more time

the emptiness that hurts

don't you see?

Fear

blogs SAPO
Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2007

Dismorfia Corporal

prevejo que este post será um tanto ou quanto controverso, porque será interpretado de várias maneiras, até ser compreendido como o assunto bastante sério e grave que é.

 

Até hoje, nunca tinha ouvido falar em Dismorfia Corporal, e acreditem que é um assunto ao qual eu dedicarei algum tempo, porque me suscita bastante interesse e quero perceber certas coisas.

Estava no meu zapping, pelos triliões de canais que tenho, mas que raramente vejo, até me ter deparado por algo que me despertou a curiosidade.

O programa estava intitulado como COMPLETE OBSESSION , e inicialmente até pensei 'mais um programa de dietas radicais'', até ter compreendido o que realmente se passava...

Era um documentário sobre um Senhor, actualmente com 53 anos de idade, culto, que queria amputar a perna direita, por cima do Joelho.

Inicialmente pensei, ''mais um louco a querer os 15 minutos de fama'', até que o seu discurso, perfeitamente plausível e eloquente me fizeram perceber que se tratava de uma doença!

A Dismorfia Corporal trata-se de sentirmos algo que não nos pertence, para este senhor, apesar de sentir, ter, usar a perna direita, ele achava que ela não pertencia ao seu corpo, que o seu corpo era deformado, que era desequilibrado, com aquela perna, apesar de perceber e compreender que era uma loucura , amputar um membro, perfeitamente saudável. Apesar de ele olhar para as pessoas e achar normal, todos terem 2 pernas, ele apenas achava que ele não devia ter aquela perna!

A primeira vez que sentiu que a sua perna estava a mais, foi aos 4 anos, e a partir dos 13 anos, começou a interessar-se pelo seu secreto desejo, e percorreu todos os especialistas possíveis, desde psicólogos , psiquiatras, pediatras, padres, ortopedistas, etc. , inicialmente disseram que tudo passaria com a idade, até ele ter chegado aos 45 anos e ter percebido que não iria passar.

Aprofundou as suas pesquisas, formou-se em psiquiatria, pensando que conseguiria compreender o seu problema, mas tudo em vão!

Tudo isto levou-me a alargar todo este conceito, até compreender o que se passava...

há mulheres (e homens) que fazem lipoesculturas , mamoplastias , liftings, rinoplastias , colocam implantes, fazem dietas, porque não se sentem bem com o seu corpo!

Indo um pouco mais longe, os transexuais, mudam completamente o seu corpo e por fim, o seu sexo.

São procedimentos que, aos poucos e poucos, se vão tornando comuns e aceites pela nossa sociedade.

Então e estas pessoas?

Pessoas que acham que uma perna, um braço, uma mão, um pé, elas sentem que aquilo simplesmente não lhes pertence!

Deverão poder fazer as amputações?

O único hospital no Mundo que as fazia, era no Reino Unido, e com toda a sua polémica, preferiu para com os procedimentos, apesar de só ter efectuado duas amputações.

Neste momento, as pessoas que padecem deste síndrome, bastante complexo e polémico, porque ainda não é conhecido, nem está muito desenvolvido, restam-lhe 4 hipóteses , ou se atiram por baixo de um carro, de um comboio, ou dão um tiro de caçadeira, ou simplesmente tentam viver com o membro 'que têm a mais'.

Isto porque ainda não apareceu ''médicos especializados não credenciados '' a fazer amputações em ''vãos de escadas'' como aparecerem cirurgiões plásticos e parteiras...

 

(às vezes também falo de coisas sérias...)

 

BJ

 

FM

5 comentários:
De portugueses88 a 14 de Dezembro de 2007 às 18:35
aparece por ai
De Anas a 28 de Dezembro de 2007 às 18:34
Amiga... podes crer que este é um assunto bastante sério, há muitos sapateiros (principalmente nos States) que disformam e matam muita gente que desesperadas procuram ajuda radical e definitiva em troca de muito dinheiro que em locais sérios não as sujeitariam a tais barbaridades.
No entanto acho que no caso dos Trans, o caso é diferente, é também hormonal e genético são homens em corpos de mulheres ou vice-versa, talvez erros da natureza ou mal formações genéticas, sei lá!
Só sei que sofrem e a medicina, depois de muitas burocracias, resolve.
Em ambos os casos existem danos psiquicos e depois fisicos permanentes.
Beijos
De FM a 29 de Dezembro de 2007 às 00:07
Olá minha amiga!
Eu coloquei-os ''a todos no mesmo saco''. De facto, há muito pouca informação sofre a Dismorfia Corporal, porque de um lado, temos os cépticos que acham que não passa de problemas psicológicos, no fundo, como as religiões que acreditam que há cura para a homossexualidade, e por outro lado, há os que realmente consideram uma doença.
Na minha perfeita ignorância clinica, digo que há uma parte do cerebro que não reconhece aquele membro!
É de facto dificil de explicar porque, a meu ver, era de esperar que não aceitassem o ''membro extra'' neles e nas outras pessoas, mas se eles aceitam nos outros e não neles... Entendes o que quero dizer?
Infelizmente, e tal como o disseste, há muita gente que se aproveita dos infortúnios dos outros para fazer fortuna, e felizmente, é um caso que tem vindo a ser abordado, ainda que de modo muito Soft, nas séries americanas, como CSI e NIP TUCK, entre outros...
Há realmente coisas curiosas que se vão aprendendo e que nos abrem os olhos para questões que jamais colocaríamos.
Por vezes, quando torcemos um pé e temos que andar de moletas 15 dias já é um tormento, como é que alguém SONHA viver sem uma perna o resto da vida?!?!?!?!?!
Beijo muito grande, obrigada por me teres comentado.
(desculpa a longa reposta)

FM
De jejum a 2 de Fevereiro de 2009 às 17:32
lool e uma granda treta odeio este ste porra e mesmo uma grande droga
perdi dinheiro




De me a 8 de Junho de 2012 às 18:20
querer deformar o corpo.isso sim é doença.o problema é q vejo pessoas q são realmente feias ou estão fora dos padrões usando essa desculpa de ter dismorfia,só pq nao conceguem se aceitar

opinar a ideia